A Casa de Fausto sob o Signo do Cruzeiro do Sul [Parte 3/Final]

Anátema e sagração da primaveraO grupo brasileiro Ói Nóis Aqui Traveiz encena o Fausto de Goethe em Porto AlegrePor Friedrich Dieckmann para a revista alemã Theater Der Zeit
 O princípio do palco simultâneo, que define toda a encenação, repete-se nas cenas de Margarida nas dimensões de um espaço com forma de sala, e o espectador pode escolher os pontos, a partir dos quais ele quer assistir aos acontecimentos; ele pode também mudar de lugar. Nos dois lados estreitos tornam-se presentes duas instâncias polares: num lado, o grupo de imobilidade estatuária, no qual aparecem, ao lado de um sacerdote, um cavaleiro e uma mulher (trata-se de Valentim e da mãe de Margarida), à semelhança de estátuas; no outro lado, a área do jardim com o lago, as pedras e as plantas, que aparece atrás de véus. O lado da igreja estende-se por todo o espaço na forma de figuras de santos (aquelas figuras carregadas da rua para dentro do recinto); a roda de fiar se encontra aqui, em cuja caixa Mefisto deposita o …

A Tribo cai na folia!

A Escola Império Serrano de Guaíba homenageia os Atuadores da Paixão e o seu célebre espetáculo “A Saga de Canudos”

A Escola de Samba Império Serrano da cidade de Guaíba, terá como enredo no seu Carnaval 2014 o tema “Ói Nóis Aqui Traveiz, os Atuadores da Paixão em visita ao Belo Monte – A Morada de Antônio Conselheiro”.

Foto: Cláudio Etges
O desfile da Escola, no próximo sábado, dia 15 de março, será uma homenagem a trajetória da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz e ao seu penúltimo espetáculo de Teatro de Rua “A Saga de Canudos”. O espetáculo que percorreu diversos Estados brasileiros de 2000 a 2007 e recebeu pela sua grande contribuição cultural, o honrado Prêmio “A Luta Pela Terra” do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra, nos conta a história da construção e destruição de Canudos, um episódio que mexeu com as mais profundas emoções da alma brasileira, e sem dúvida, uma das mais belas e desconhecidas passagens da aventura humana. 

E é com este caráter político, homenageando um dos grupos teatrais mais significativos do país e mostrando-nos um Antônio Conselheiro fruto da história, que a Escola Império Serrano invade o Carnaval 2014.

Cabe também destacar que a Império Serrano é uma das mais antigas e tradicionais Escolas de Samba da Sociedade Carnavalesca de Guaíba, que completa este ano 43 anos de trajetória. E a Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz honrada e agradecida pela homenagem saúda a toda comunidade do bairro Ermo que esteve durante todo este ano, imbuída em levar o seu melhor carnaval pra avenida! Evoé! Vida Longa!


“Ói Nóis Aqui Traveiz, os Atuadores da Paixão em visita ao Belo Monte – A Morada de Antônio Conselheiro”

Sou Cabra da Peste, eu sou, pelo o Sertão do Nordeste, eu vou
Com um Império cheguei, Ói Nóis Aqui Traveiz!
Homem de fé, líder valente, profeta do sertão
Antônio Conselheiro, o peregrino que falava a multidão
Uma decepção no amor, foi o motivo disso tudo acontecer
O Padre Ibiapina foi sua inspiração, como benção divina tomou essa missão
Palavras de conforto, à quem precisar e o povo todo parou pra escutar.
Terra seca, sol ardente, meu “bichim” se avexe não
Meu império, faz a festa, vai ter xaxado, forró baião.
E assim aquela gente acompanhou, a sua fama se espalhou
Desafiando os tiranos do poder
Em CANUDOS resolveram se instalar
De Belo Monte renomearam o “arraiá” que entraria pra história
Foram atacados com a força dos canhões
Foram dizimados com extrema covardia, lutando por seu ideais
O Povo sertanejo se orgulha
Antônio Conselheiro um homem de valor
Que a Terreira da Tribo hoje canta com Amor!