TRIBO DE ATUADORES ÓI NÓIS AQUI TRAVEIZ 44 ANOS [PARTE 19]

“Se Não Tem Pão, Comam Bolo!” tem por referência a célebre frase da rainha da França, Maria Antonieta,quando no princípio da Revolução Francesa, pressionada em seu próprio palácio pelo povo que pedia pão, pateticamente perguntou por que não comiam brioches. Encenação popular, esta fábula política recorre ao fato histórico para falar de problemas cotidianos que afligem a maioria dos brasileiros: a fome, a opressão, os desmandos do poder e a corrupção dos políticos. Os personagens são saltimbancos contadores de histórias, que de uma forma satírica e divertida cantam para o povo, nas ruas, o que a sociedade burguesa procura esconder: a luta de classes. 
    “SE NÃO TEM PÃO, COMAM BOLO!” Roteiro e direção : criação coletiva Figurinos : Arlete Cunha Adereços : Zau Figueiredo Música : Rogério Lauda Elenco : Arlete Cunha, Kike Barbosa, Rogério Lauda e Sandra Possani Intérprete em substituição : Vera Parenza Estreia : 14 de fevereiro de 1993 (Espetáculo de rua) TERREIRA DA TRIBO EU APOIO! Você

Exercício Cênico “O Canto da Sereia” entra em cartaz na Terreira da Tribo!

Teatro com entrada Franca!

A Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz realiza nos dias 11, 18, 25 de outubro e 1º de novembro, às 20h, na Terreira da Tribo (Rua Santos Dumont, 1186) a Mostra Ói Nóis Aqui Traveiz - Jogos de Aprendizagem 2017, com apresentações do Exercício Cênico “O Canto da Sereia” do dramaturgo, ator e diretor colombiano Enrique Buenaventura. O trabalho é uma realização da Oficina Popular de Teatro do bairro São Geraldo e tem a orientação da atuadora Marta Haas.

Entrada Franca! Distribuição de senhas 30 min. antes.

Exercício cênico “O Canto da Sereia”



O exercício cênico "O Canto da Sereia” tem a coordenação de Marta Haas, a orientação musical de Roberto Corbo e traz no elenco os oficinandos: Ademir Alves, Daniel Menezes, Diandra Tavares, Douglas Lunardi, Felipe Goldenberg, Izabela de Paula, Jules Bemfica, Manoela Laitano Chaves, Márcio Leandro, Mariana Stedele, Mariliza Tavares, Miliana Sato, Natália Meneguzzi, Rafael Torres Fernandes e Roberto Corbo.
 “O Canto da Sereia” é uma obra curta do dramaturgo, ator e diretor colombiano Enrique Buenaventura, fundador do Teatro Experimental de Cali. A peça se passa na época da Guerra do Vietnã e conta a história de Carlos Barbosa, um jovem sonhador que decide abandonar sua família e sua cidade, nos confins da América Latina, para ir em busca de uma vida melhor nos Estados Unidos.

Oficina Popular de Teatro do Bairro São Geraldo

Fotos: Paula Carvalho

A Oficina Popular de Teatro do Bairro São Geraldo existe desde 2009, quando a Terreira da Tribo mudou-se para a rua Santos Dumont. A partir de encontros semanais, o Ói Nóis Aqui Traveiz desenvolve no bairro um trabalho de criação de núcleo teatral.