MEDEIA: DO MITO ATÉ MEDEIA VOZES | Jorge Arias

Fotos de Pedro Isaías Lucas Medeia é um dos grandes enigmas da literatura ou, talvez, da história. O primeiro enigma é se existiu uma Medeia, real e histórica, uma mulher de carne e ossos, sobre a qual foi construído um mito, uma lenda, como aconteceu com os heróis lendários de Troia, que realizaram grandes, difíceis e impossíveis façanhas, mas tiveram como base alguma realidade, de alguma forma existiram. Alguns aspectos negam o caráter puramente mítico da história: a viagem dos argonautas até a Cólquida na margem oriental do Mar Negro, em busca do velocino de ouro, está de acordo com as expedições comerciais dos gregos; as intrigas do palácio, como o exílio de Medeia em Corinto, têm uma cor de verdade; e, acima de tudo, a apaixonada controvérsia sobre se ela matou ou não seus filhos. Não se discute ou, ao menos, não é comum discutir o que faz ou não faz uma personagem de ficção.     O segundo enigma é o caráter dela. Medeia é neta de Hélio, sacerdotisa de Hécate, feiticeira, brux

TEATRO COMO INSTRUMENTO DE DISCUSSÃO SOCIAL NA CIDADE DE CANOAS



Neste ano, a partir do dia 16 de janeiro, a ação Teatro Como Instrumento de Discussão Social da Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo retoma a sua Oficina de Teatro na cidade de Canoas. Com apoio da Secretaria Municipal da Cultura e do Turismo a Oficina acontecerá todas as quartas-feiras, das 19 às 22 horas, na Antiga Estação de Trem (Av. Vitor Barreto, 2301 – Centro). A Oficina Popular de Teatro é aberta e gratuita a todos interessados a partir dos 15 anos. Inscrições no horário e local da Oficina. Informações pelo fone (51) 3028-1358 e pelo e-mail terreira.oinois@gmail.com

A Oficina Popular de Teatro de Canoas faz parte da ação Teatro Como Instrumento de Discussão Social com a Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz. Tem como objetivo fomentar a organização de grupos culturais nos bairros populares em acontece. Abre espaço para sensibilização e experiência do fazer teatral, apostando no teatro como instrumento de indagação e conhecimento de si mesmo e do mundo, assim como veículo de formação, informação e transformação social. A ação Teatro Como Instrumento de Discussão Social inicia 2019 com Oficinas em Canoas e no bairro São Geraldo (na sede da Terreira da Tribo) e em fase de implantação nos bairros Humaitá, Bom Jesus, Sarandi e Restinga.



A Terreira da Tribo acredita na importância da função social do artista, e pretende que essa formação favoreça a emergência do artista competente não apenas no seu ofício, mas também preocupado com o seu desempenho como cidadão. A Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo dentro da sua proposta de trabalho realiza anualmente seminários, ciclos de debates e oficinas de iniciação teatral, formação, pesquisa de linguagem e treinamento do ator.