Violeta Parra - Uma Atuadora! No Sarau do Solar

13/agosto - Sarau Especial - 18h | Transmissão ao vivo
Tânia Farias em Violeta Parra, uma Atuadora| Latino-americana
O Sarau do Solar é realizado pela Assembleia desde 1993, quando foi inaugurada a restauração do Solar dos Câmara (Duque de Caxias, 968), construção histórica que desde então concentra a maior parte das iniciativas culturais do Parlamento gaúcho. O projeto consiste na promoção de espetáculos musicais, com entrada franca, em temporadas anuais que vão de março a dezembro. Por sua relevância para a cidade, foi agraciado por Honra ao Mérito no Prêmio Açorianos de Música 2006, concedido pela Secretaria de Cultura de Porto Alegre.Compatibilizando as expectativas de uma plateia com alto grau de fidelidade, o projeto busca alternar vertentes e tendências. Os objetivos são estimular a pluralidade da produção gaúcha e propiciar acesso universal às mais variadas expressões da cultura musical local, regional, nacional e internacional.

ÓI NÓIS AQUI TRAVEIZ VOLTA A PORTUGAL

A Desmontagem Evocando os Mortos - Poéticas da Experiência da atuadora Tânia Farias vai participar da edição zero do Tanto Mar – Festival Internacional de Artes Performativas de Loulé.

Foto: Pedro Isaias Lucas


Depois de passar por diversos estados e cidades brasileiras, a atuadora Tânia Farias da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz é convidada a participar com a sua desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência da edição zero do Tanto Mar – Festival Internacional de Artes Performativas de Loulé, em Portugal. Festival que procura juntar artistas da língua portuguesa. Seis anos após a participação de Tribo de Atuadores no ano do Brasil em Portugal, apresentando o espetáculo de rua O Amargo Santo da Purificação e seis anos após a estreia da Desmontagem. A apresentação ocorrerá dia 9 de março.

“Desmontagem” é um conceito relativamente novo no âmbito das artes cênicas, constitui uma análise e desconstrução do próprio trabalho artístico e, ao mesmo tempo, é obra de arte. Tânia Farias é uma das pioneiras dessa pesquisa inovadora no Brasil e tem sido responsável pela disseminação dessa investigação do trabalho de ator em todo o país.

“Evocando os Mortos - Poéticas da Experiência” refaz o caminho da atriz na criação de personagens emblemáticos da dramaturgia contemporânea. Esse trabalho constitui um olhar sobre as discussões de gênero, abordando a violência contra a mulher em suas variantes, questões que passaram a ocupar centralmente o trabalho de criação do grupo Ói Nóis Aqui Traveiz. Ao seguir a linha de investigação sobre teatro ritual de origem artaudiana e performance contemporânea, a desmontagem de Tânia Farias propõe um mergulho num fazer teatral onde o trabalho autoral da atriz condensa um ato real com um ato simbólico, provocando experiências que dissolvam os limites entre arte e vida e ao mesmo tempo potencializem a reflexão e o autoconhecimento.

As apresentações serão, dia 8/3 em Faro no Teatro Lethes (um teatro incrível) um dos 5 mais antigos da Europa. E dia 9/03 em Loulé no Cine Teatro.




Desmontagem - Evocando os Mortos - Poéticas da Experiência