A Casa de Fausto sob o Signo do Cruzeiro do Sul [Parte 3/Final]

Anátema e sagração da primaveraO grupo brasileiro Ói Nóis Aqui Traveiz encena o Fausto de Goethe em Porto AlegrePor Friedrich Dieckmann para a revista alemã Theater Der Zeit
 O princípio do palco simultâneo, que define toda a encenação, repete-se nas cenas de Margarida nas dimensões de um espaço com forma de sala, e o espectador pode escolher os pontos, a partir dos quais ele quer assistir aos acontecimentos; ele pode também mudar de lugar. Nos dois lados estreitos tornam-se presentes duas instâncias polares: num lado, o grupo de imobilidade estatuária, no qual aparecem, ao lado de um sacerdote, um cavaleiro e uma mulher (trata-se de Valentim e da mãe de Margarida), à semelhança de estátuas; no outro lado, a área do jardim com o lago, as pedras e as plantas, que aparece atrás de véus. O lado da igreja estende-se por todo o espaço na forma de figuras de santos (aquelas figuras carregadas da rua para dentro do recinto); a roda de fiar se encontra aqui, em cuja caixa Mefisto deposita o …

TEM MÚSICA NA TABA! “(Re) Novo” show musical com Alexandre Vieira ENTRADA FRANCA

Nesta terça-feira, dia 7 de maio, Tem Música na Taba! apresenta o show musical “(Re) Novo” com Alexandre Vieira e grupo, na Terreira da Tribo (rua Santos Dumont, 1186), às 20 horas, com entrada franca. Tem Música na Taba! Faz parte da programação cultural da campanha “Terreira da Tribo – Eu Apoio!”. A Terreira da Tribo que sempre ocupou prédios privados pagando onerosos alugueis se encontra num momento dramático para conseguir viabilizar a sua existência. “Terreira da Tribo – Eu Apoio” é uma campanha de apoio coletivo e permanente que a Tribo lançou na plataforma virtual da Benfeitoria como forma de manutenção do espaço da Terreira que completa este ano 35 anos de existência na cidade de Porto Alegre. Mais informações em www.benfeitoria.com/terreiradatribo .



O grupo que apresenta “(Re) Novo” é formado por Alexandre Vieira, Alice Gross, Angelo Primon, Débora Dreyer, Pablo Lanzoni - incluindo a participação de Lila Borges. O show apresentará novas e velhas canções autorais, em versões recheadas de cordas e vozes. Tendo como base o repertório do álbum Alexandre Vieira - NOVO, lançado ao final de 2017, o set contará também com canções da nova safra do autor, além de músicas de seu primeiro disco, Blues Chacarera, de 2005.