Artistas na Rua Fora Bolsonaro - Porque derrubá-lo é Urgente!

 Culuna de Tânia Farias em Brasil de Fato . Ato Fora Bolsonaro em Porto Alegre: "Há muitas ações sendo gestadas, não sairemos das ruas enquanto não derrubarmos o genocida do poder" - Foto: Mari Martinez A clareza de que Bolsonaro hoje é mais letal que o vírus fez com que perdessem o medo "É preciso estancar essa sangria!!! Um homem sem juízo e sem noção não pode governar essa nação!" Essas são algumas das frases da canção de Zeca Baleiro, entoada pelo movimento Artistas pelo Impeachment, que reúne artistas de todo o país. O clipe “Desgoverno” tem claramente incomodado os ainda apoiadores do governo genocida e corrupto de Bolsonaro, Mourão e os militares. A população, atingida pelo descaso e pela fome, tem saído as ruas. A clareza de que Bolsonaro hoje é mais letal que o vírus fez com que perdessem o medo. Nesse caldo e ação estamos também nós, os artistas e trabalhadores da cultura

MOSTRA ÓI NÓIS AQUI TRAVEIZ: JOGOS DE APRENDIZAGEM

Nesta segunda-feira, dia 16 de março acontece na Terreira da Tribo (rua Santos Dumont, 1186) a “Mostra Ói Nóis Aqui Traveiz: Jogos de Aprendizagem/2020”, às 20 horas, com entrada franca, com distribuição de senhas a partir das 19 horas. Nesta etapa serão apresentados os exercícios cênicos “As Alegres Meninas da Rua Quinze”, peça curta de Carlos Carvalho, e “Fragmento de Teatro I”, peça curta de Samuel Beckett. As duas peças mostram a solidão e a incomunicabilidade do ser humano no mundo contemporâneo, vivendo sem esperanças num lugar ilógico, inóspito, lúgubre e vazio. As cenas foram criadas pela Oficina Popular de Teatro da Cidade de Canoas, dentro da ação Teatro Como Instrumento de Discussão Social da Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo/Ponto de Cultura. Após a apresentação haverá uma roda de conversa sobre o Teatro de Carlos Carvalho e de Samuel Beckett conduzida pelo atuador Paulo Flores. A “Mostra Ói Nóis Aqui Traveiz: Jogos de Aprendizagem” leva à cena as montagens teatrais realizadas nas diferentes Oficinas da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz.